Chope x Cerveja

Essa é uma grande dúvida que sempre surge, então vamos lá.

Por definição, Cerveja é a bebida obtida pela fermentação alcoólica do mosto cervejeiro oriundo do malte de cevada e água potável, por ação da levedura, com adição de lúpulo.

Da onde veio chope?

O termo chope vem da palavra “schoppe”, dialeto alemão que quer dizer “copo de meio litro”.

De acordo com a legislação, somente no Brasil, “chopp” ou “chope” é a cerveja não submetida ao processo de pasteurização para envase.

Mas o que é pasteurização?

É o processo térmico que irá conferir estabilidade microbiológica à cerveja. Em outras palavras, após o envase da cerveja, as garrafas são submetidas à elevação gradual de temperatura, eliminando possíveis microrganismos contaminantes. Entretanto este processo também interfere nas propriedades organolépticas da cerveja, tornando-a menos saborosa e muito menos aromática.

Todavia, não é só a pasteurização que deixa a cerveja menos gostosa, o transporte da cerveja por longas distâncias, faz com que ela seja exposta a luz solar, outro grande inimigo da cerveja, ocasionando o chamado “light strunk”, e deixando a cerveja com aroma e sabor bastante desagradáveis.

O objetivo do Local Growler é oferecer um produto com a melhor qualidade possível, fomentar o comércio com o pequeno produtor local e ser sustentável com o meio ambiente.

Os barris de chope produzidos em micro cervejarias da região percorrem poucos quilômetros até chegarem à nossa loja e serem armazenados na câmara fria, garantindo o frescor do chope até que o barril seja esgotado.

Sensorialmente, a qualidade do chope é muito melhor do que uma cerveja em garrafa.

Então, agora que você já manja, tá esperando o que para encher seu Growler?